Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

VALDIGEM

Contacte: f.nunes.duarte@hotmail.com 965896262

VALDIGEM

VALDIGEM DE VINHEDOS... QUAIS JARDINS ENCANTADOS QUE ESCONDEM SECULARES SEGREDOS, MÁGOAS E ÁRDUO TRABALHO, ONDE OS AVÓS DOS AVÓS CULTIVARAM E FIZERAM AMADURECER CADA RUGA QUE TEM SEU ROSTO…


16.04.09

São múltiplas as tarefas... até que o precioso néctar chegue  aos nossos copos... Plantação do americano,(bacêlo), enxertar, podar, enxofrar, sulfatar, enrolar, despontar, selecção de cachos, vindimar, pisar, encubar, são apenas alguns exemplos do árduo trabalho neste lindo Douro que é de "oiro"

É fonte inspiradora de Poetas... mas é preciso senti-lo... vivê-lo... respirá-lo...

 

 

" O Doiro necessita de ser finalmente
olhado pela nação como o seu olimpo
sagrado, o chão bendito que produz a
única riqueza de que somos senhores
exclusivos: O Porto que o mundo assim 
conhece e saboreia, imita em todas as
latitudes sem nunca igualar. Mas esse
carinho pátrio tem de começar pelo
obreiro do prodigio, pelo oficiante de
mãos calosas que espreme os xistos
até os fazer ressumar"
 
 
 
O que é bonito neste mundo, e anima,
É ver que na vindima
De cada sonho
Fica a cepa a sonhar outra aventura...
E que a doçura
Que se não prova
Se transfigura
Numa doçura
Muito mais pura
E muito mais nova...
 
Miguel Torga  
 
 
  
Depois que me senti envelhecer,
Passo horas e horas no meu lar,
De janela em janela, a espreitar
O breve mundo que me viu nascer.

Tem montes que não deixam de crescer,
Videiras que ninguém pode contar,
Oliveiras que vivem a rezar
E um rio que não para de correr.

Este pedaço de viril beleza,
Este painel de rica natureza
Irá comigo para o Além.

Sempre lhe quis e sempre o defendi,
Fui eu até que um dia o descobri...
Não o posso deixar a mais ninguém.
 
João de Araújo Correia
 
 
 
"O traço mais forte do Norte de Portugal foi desenhado, de lado a lado, e chama-se Douro. Nele, quando o admiramos de baixo para cima, vemos que a Natureza o desenhou, empregando um pincel semelhante ao de Miguel Ângelo. Nele a Natureza “foi robusta, solene e profunda” (...)
 
Alexandre Hérculano
 
 
 Duma tormenta de sol e de seiva, de vida e de amor, saem como da ganga de uma mina a joalharia mais bela e a perfumaria mais delicada. É por isso que uma garrafa de vinho velho enche, com os seus éteres penetrantes um palácio inteiro de perfume e caindo em gotas, ao vertê-lo, num cristal ou numa tomboladeira de prata, é como se desatassem num colar de jóias. Nunca vi cores assim.
 
Pina de Morais in Sangue Plebeu
 
 

 

Contacte:

f.nunes.duarte@hotmail.com

965896262

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Boa tarde Sr. Joaquim... As minhas desculpas por r...

  • Anónimo

    Já tentei várias vezes falar consigo e está difíci...

  • Anónimo

    Boa noite, não me respondeu à minha mensagem? Cump...

  • Anónimo

    Bom dia!Meu bisavô, Antonio Brito, nasceu em Valdi...

  • Anónimo

    Bomdia. Sou estudioso/ curioso de Pina de Morais e...